Newsletter

a aa
28 04

Dieta para os rins do seu pet

Publicado em 28 de Apr de 2017 por Victoria Bassi Comentar

Veja o que fazer quando seu peludo está com problemas hepáticos, mas não come a ração clínica

Texto Luciana Faria | Foto Shutterstock | Adaptação web Victoria Bassi

“Minha cadela está com problema hepático, mas não quer comer a ração clínica. Como posso fazê-la aceitar ou adotar uma nova dieta?” Daniela Barcelos, via Facebook

Os problemas hepáticos podem refletir na perda ou diminuição do apetite, pois o fígado é um órgão que metaboliza as toxinas do corpo. Caso isso ocorra, devemos oferecer alimentos mais palatáveis. Existem no mercado marcas que prometem melhor sabor e também produtos que, adicionados às rações, aumentam sua palatabilidade. Já os alimentos caseiros são recomendados desde que balanceados, ou seja, com quantidade de proteína adequada, presença de ácidos graxos essenciais, fibras em nível satisfatório e uma fonte de caloria para completar a refeição, como arroz. Certos sites divulgam desde fórmulas até programas para se elaborar uma alimentação adequada ao pet, mas todo cuidado é pouco. Nunca troque abruptamente de dieta, pois pode acarretar problemas intestinais. Faça sempre aos poucos, diminuindo gradativamente o alimento a ser substituído.

Fonte: O veterinário Jorge Meneghello é especialista em homeopatia e medicina ortomolecular e mestre em cirurgia pela Unesp Botucatu. Atua como diretor clínico do pronto atendimento Ethicus, em São Caetano do Sul (SP).

Revista Meu Pet Ed. 42

Comente!