Newsletter

a aa
21 03

Cuidados com os animais no outono

Publicado em 21 de Mar de 2018 por Isis Fonseca Comentar

O outono chegou e os cuidados com os pets são substituídos nessa época do ano. Veja o que muda!

Essa semana entramos em uma nova estação, o outono! Quando muda a estação, muda também os hábitos do pet e a forma como devemos cuidar deles. Confira as dicas da Andressa Cris Felisbino, veterinária da unidade de Curitiba da DrogaVET, sobre os cuidados com os animais no outono.

Quais as doenças mais comuns no outono?

Gripe Canina

A principal doença que observamos quando começa a baixar a temperatura e o tempo passa a ficar seco é a gripe, que também é chamada de traqueobronquite infecciosa canina, tosse dos canis ou gripe canina. "Ela é causada por um vírus e bactérias, sendo que os principais sintomas nos animais de estimação são: tosse, espirros, secreção nasal, febre e a falta de apetite. Pode acometer pets de todas as idades", explica a veterinária. 

A transmissão dessa doença ocorre rapidamente, através da tosse e dos espirros dos pets, logo, esse deve ser um dos cuidados com os animais no outono. Evite locais com aglomeração de animais. 

Nesse caso o tratamento é realizado com antibióticos, antitérmicos próprios para eles, hidratação e xaropes. Para prevenção existe a vacina, que deve ser tomada anualmente.

Rinotraqueíte Felina

Nos gatos temos a rinotraqueíte felina, também causada por um vírus.  Os sintomas são secreção nasal e oculares, febre, espirros, perda de apetite, e é uma doença considerada altamente contagiosa. “Aos primeiros sinais, tratamos os gatos com hidratação e, em casos mais graves, com os antibióticos que podem ser somados aos anti-inflamatório para redução da febre”, comenta Andressa.

Para prevenção, o mais indicado é vacinação com 45 e 60 dias de idade, já que a rinotraqueíte acomete principalmente filhotes. 

Problemas oculares

No outono pode aumentar os problemas oculares, devido ao tempo seco. O olho fica mais vulnerável a poluição, as bactérias e aos vírus.

Babesiose

Entre os cuidados com os animais no outono, o que merece muita atenção é a prevenção aos parasitas. Nesse período pode haver uma proliferação de carrapatos, e essa infestação pode resultar em doenças graves como a Babesiose. Essa doença é causada por um protozoário e transmitida pelo carrapato, e destrói glóbulos vermelhos, podendo levar a morte. “A Babesiose causa anemia e tem outros graves sintomas nos pets, sendo eles: palidez, perda de apetite, pele e olhos amarelados, urina escura”, diz a especialista.

O tratamento da Babesiose começa com o combate aos carrapatos com carrapaticidas e, em alguns casos, internamento para exames e uso de drogas injetáveis.

Quais cuidados tomar com os animais no outono?

- Pets de pelo curto podem utilizar roupa; 

- Animais de pelo longo não devem passar por tosa;

- Diminuir frequência de banhos; 

- Abrigá-los em local próprio; 

- Evitar levar os pets em hotel e em locais com aglomeração de animais; 

- Vacinação em dia;

- Evitar passeios em dias e noites com chuva; 

- Manter os olhos dos pets sempre limpos; 

- Muita hidratação; 

- Utilizar repelentes, carrapaticidas e afins;

- Higienização adequada;

- Proteção contra frio; 

- Forrar ambientes com jornal ou cobertor para animais que dormem fora; 

- Alimentação de boa qualidade.

 

*Por Isis Fonseca | Foto Shutterstock

 

Garanta o seu livro Guia Completo de Saúde do Cão

 

 

 

 

 

 

Comente!