Newsletter

a aa
21 01

Giárdia em cães: tire suas dúvidas

Publicado em 21 de Jan de 2018 por Victoria Bassi Comentar

Saiba o que é essa doença, quais seus sintomas e como funciona a prevenção

Por Isis Fonseca | Foto Shutterstock

Giárdia em cães

A giárdia é protozoário que causa infecções em cães, gatos e humanos. Esse parasita afeta o intestino do animal ou pessoa infectada e casa problemas como vômitos e diarreias. 

Conheça os sintomas da giárdia em cães

Se o seu animal apresentar um dos sintomas abaixo, o recomendado é ir até um veterinário para que ele recomende os cuidados necessários. São os sintomas:

Diarreia

Vômitos

Dor abdominal

Desidratação

Perda de peso

Fezes pastosas e fétidas

Entenda como ocorre a infecção

De acordo com Alexandre Merlo, veterinário da Zoetis, o pet pode ser infectado em locais com muita circulação de animais, a partir da ingestão das fezes de um animal infectado. “As fezes podem estar na terra, diluídas na água de bebida ou misturadas em alimentos. Além disso, mesmo em superfícies aparentemente limpas, como pisos, pode haver cistos do protozoário que causam a infecção”.

Trabalhando a prevenção da giárdia nos cães

Ofereça água filtrada e sempre verifique sua fonte;

Limpe bem pisos e instalações;

Vacine seu pet.

Tratando a giardíase

O veterinário do seu pet irá indicar o melhor tratamento para a doença. Geralmente, o cachorro com giárdia precisa de banhos com frequência. Além disso, os locais de defecação do animal precisam ser limpos para evitar uma nova infecção. Produtos à base de amônia quaternária podem ajudar nessa limpeza. Se você possui outros animais no local, o ideal é que durante alguns dias eles fiquem afastados e que os outros também realizem exames.

Cuide de você também!

A giárdia também pode ser transmitida para humanos, portanto, tome cuidado para não ter contato direto com as fezes do animal infectado e realize exames para verificar se você não foi prejudicado.

Comente!