Newsletter

a aa
24 05

Medição da obesidade em pets

Publicado em 24 de May de 2015 por Marília Alencar Comentar

Como saber se seu pet está obeso? Entenda e saiba qual é a medição para obesidade em animais

Texto Michelle Freitas/ Foto: Shutterstock

(Foto: Shutterstock)

Para ter certeza do que está causando a obesidade, o veterinário começa com a mais simples avaliação: ele pesa o pet e parte para a observação. “O cão obeso é um animal que se cansa rápido, evita exercícios e pode apresentar dores articulares, além de problemas na pele devido ao excesso de gordura, que cria áreas de assadura”, afirma Camila Guernelli, endocrinologista e dermatologista veterinária da clínica Pet Center Marginal, em São Paulo-SP. Exames de sangue ajudam a completar o diagnóstico e avaliar a saúde geral do bicho. “O primeiro ponto é descartar a possibilidade de doenças endócrinas, tais como o hipotiroidismo ou hiperadrenocorticismo, que levam ao sobrepeso”, ressalta a especialista.

Medição da obesidade

Para avaliar se o pet está magro, com sobrepeso ou obeso, os veterinários utilizam o Escore de Condição Corporal (ECC), método baseado na inspeção e palpação de locais estratégicos do corpo do animal. O pet com peso ideal apresenta as costelas facilmente palpáveis e um afilamento na região da cintura. Já o obeso apresenta um formato que lembra um barril. Outra avaliação é o cálculo da porcentagem da gordura corporal, em que, a partir de certas medidas, os pets são tidos como obesos se tiverem uma porcentagem de gordura superior a 25%.

Revista Meu Pet/ Edição 03

Comente!