Newsletter

a aa
03 11

Dicas para estimular o pet brincar mais

Publicado em 03 de Nov de 2017 por Victoria Bassi Comentar

Estímulo mental e físico para o seu peludo são essenciais para evitar muitos problemas de comportamento e saúde

Texto Luciana Faria | Foto Shutterstock | Adaptação web Victoria Bassi

Se o mascote não quer saber de brincar, o problema pode estar na falta de estímulos, conforme aponta o veterinário Dalton Ishikawa. “Muitas vezes o dono fica frustrado porque o cão tem uma montanha de brinquedos, mas não interage com nada, mas é porque o dono não estimula”, explica o profissional. “Ou então o animal destrói tudo rapidamente.” Neste caso, segundo Ishikawa, a causa pode ser estresse, ou o próprio brinquedo.

“A maioria dos produtos hoje, do ponto de vista do cão, serve para roer, morder ou destruir, e é assim porque os pets urbanos descontam neles um comportamento mais exacerbado que o normal". Ele completa que o cachorro tende a se interessar mais por brinquedos que estimulem a caça, por se tratar de um instinto primário.

Revista Meu Pet Ed. 46

Comente!